Pra Valer a Vida Ame!

por Prem Milan

 

Qual é a graça de passar a vida sem amar ou amar pouco? Qual o sentido? O amor é algo fundamental para o ser humano. É a partir daí que você começa a se conhecer como pessoa, como ser humano. Talvez você ache que o ser humano é humano pelo fato de raciocinar, pensar… Ora, Hitler pensava e raciocinava. Todos os malucos que estavam com ele, queimando e colocando os judeus em câmara de gás, estavam raciocinando. Agora, com certeza, não sabiam o que era o amor.

O ser humano se torna humano a partir do amor. Era isso que nós devíamos conhecer, muito mais que as máquinas, muito mais que eletrônica, os computadores. Deveríamos ter um estudo mais desenvolvido sobre o que é o amor. Amor não é aquilo que o padre fala na igreja. Não é uma frase feita cuspida pelo prefeito da cidade pra convencer os desavisados. Amor é LIBERDADE; uma energia incrível que pode propiciar o crescimento de si próprio e dos outros. O amor tem frutos. Quando o amor não consegue partilhar com outras pessoas seus conhecimentos, suas conquistas, sua expansão, esse amor é falso, deteriorado. É apenas uma compensação de suas carências infantis, pois o amor de verdade sempre gera criação. Quando você se isola num relacionamento e se afasta de seus amigos, isso não é amor! Isso é medo, é egoismo. O amor é gracioso.

E também às vezes o amor é forte, se expressa em verdades que são contundentes. Uma pessoa que ama profundamente às vezes tem um indiginação contra a opressão, a injustiça. O amor nunca foi, nem nunca será MELECA! Muito menos chantagem, manipulacão, ciúme ou inveja! Isso aprendemos lá desde muito pequenos. Quando um irmão começa a disputar com o outro o amor do pai e da mãe eles começam a perder a capacidade de amar. Eles entram num jogo. Um jogo devido à carência. Viver sem amar é atravessar o oceano trancado no porão de um navio! O amor é que tem a capacidade de transformar, de quebrar com sua rigidez. De transformar seu corpo, de transformar sua saúde física e mental.

Na nossa vida é um fator fundamental que precisa de tempo, espaço, energia. Nós investimos tanta energia em coisas chatas, sem graça. Muitas vezes criamos ilusões a respeito do amor, fantasias. E como ele não corresponde a nossos planos, nos decepcionamos. Nós estamos sempre querendo colocar tudo em trilhos, com idéias pré-concebidas, mas o amor não é uma linha reta. Amor é selvagem, caminha por meios diversos, linhas tortas.

Nós estabelecemos regras idiotas, “devemos amar para sempre. Que bobagem! Quem invetou isso foi a religião, os padres. Exatamente aqueles que não conhecem o que é o amor! Nós nos queixamos porque muitas vezes o amor não dá certo, mas qual a energia que investimos no amor, honestamente? Nosso dia-a-dia é entupido de coisas chatas e mecânicas. No resto do dia, com o resto que sobrou, você quer amar? Não se engane… Se você não colocar uma prioridade ao amor, já era… É a mesma coisa que os pais fazem com os filhos. Dão para eles o resto da energia que sobra do dia ou dos seus interesses banais. Veja uma criança e sua energia. Ela larga qualquer brinquedo para ficar com os pais, para dar uma cambalhota, pular nos seus ombros.

Amor não é uma exploração é um crescimento! Tem várias maneiras, profundidades, aromas, alcances. Olhe de frente pra sua vida e seja honesto consigo. Veja se está dando essa importância ao amor. O amor não precisa de carro, não precisa de uma super casa. Amor precisa de calor, afeição e doçura. A grande desculpa para não amar, é “ah, se eu tivesse grana, amar seria mais fácil”. Mentira! Então os ricos amam mais? Mentira! É possível achar mais amor numa favela que num bairro burguês.

Eu acredito em vidas passadas, não sei bem ao certo quais as regras, mas acho que as pessoas de setores médios e altos, privilegiados materialmente, e que não vivem o amor, provavelmente na outra vida devem voltar como rato, ou coisa assim…

Talvez você fique chocado, mas fico muito mais chocado com a falta de amor, a falta de contato. Não estou falando de amor de relacionamento. Abra a cabeça, á algo maior! Amor por amigos, por uma causa. Hoje não vejo um amor por uma causa qualquer que seja com algum conteúdo.

O amor é aquilo que nutre a vida, é a respiração da alma. Sem ele só nos resta os números, as contas, as posses… Tudo isso é muito chato. Quando eu estiver morrendo, quero estar revendo os meus amores, partilhando esse momento, rindo, chorando juntos. Não pretendo estar com um advogado dividindo posses para A ou B. Coisa chata. Prefiro morrer encantado com lembranças, com pedidos de perdão, sorrisos e principalmente grato por tudo o que vivi, e poder chorar pelo que não pude viver. A maior herança que um pai pode deixar para um filho é ter contribuido para a capacidade dele de amar. E a maior herança que podemos deixar para nossos amores é poder relembrar os êxtases, as alegrias, os momentos de força transformação e a solidarieade nas quedas.

Pra valer a vida ame, seja inteiro, não se engane.

 

Escrevemos todos esses textos porque acreditamos profundamente no amor. O amor não precisa ser ensinado, criado. Você já nasce com toda essa capacidade de amar. A única coisa que nós podemos fazer é tirar as barreiras que o impedem. Nossa intenção cm esses textos é que eles lhe estimulem a tirar essas barreiras para que o amor possa fluir, esse amor que já está dentro de você. Nascemos com todo amor possível, alias, com mais amor do que podemos conter. Nascemos dessa energia que se chama amor. Olhe para uma criança e, se seus olhos ainda não forem cegos, você verá a inocência e a graciosidade. Nós, adultos, temos obrigação de ser uma evolução daquela criança e nosso amor tem que ser mais evoluído, mais maduro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s