Temos que resgatar urgente o prazer

children_027

Por Milan

Estamos em guerra civil e eu não sabia. Estou vindo da Comunidade para a cidade ouvindo a Rádio Gaúcha. Notícias de futebol e lá pelas tantas 30 mortes violentas. No fim de semana anterior foram 29 mortes, sendo 15 por assassinato e 13 ou 14 por acidente automobilístico. Fiquei meio chocado. Isso só no Rio Grande do Sul! De novo: só do Rio Grande do Sul! São 15 pessoas que morrem por semana. Aproximadamente 65 por mês. Isso, falando somente de fins de semana. Não estou contando os dias da semana. Sei lá, se contar talvez seja uns 4 ou 5 a cada 2 dias… Na verdade, não sei quais são as estatísticas e nem quero procurar o dado exato.

Se por assassinato morrem 65 em um mês (apenas aos finais de semana); somamos o que devem ser mais 50 ou 60 durante os dias da semana (ainda num período de um mês) e vamos chegar a 120 pessoas por mês só no Rio Grande do Sul. Considerando que é um dos estados mais violentos. Se olhar, esses números são, tranquilamente, mais de 1000 pessoas por mês no Brasil!

Você acha que isso é normal? É pouco? É concebível?! Que loucura!! É obvio que essas mortes acontecem, na grande maioria, nas classes mais baixas. Quando chega à classe média, tem passeata da instituição “não sei o que” se manifestando… Enquanto tiverem matando pobre, filho de pobre é apenas mais um dado estatístico.

Mas nós somos humanos e não nos importamos com isso. E ainda temos coragem de defender um sistema que contraiu isso. Ainda temos coragem de bradar o nosso sistema civilizado, as nossas religiões civilizadas. O que é isso minha gente? Isso é falência total da nossa moral de cueca, dos nossos conceitos. Ou somos tão idiota que achamos que a violência é uma questão pessoal das pessoas mal criadas?

Isso é loucura de um sistema que não permite prazer. O ser humano que não tem satisfação fica frustrado. Isso vira violência, isso gera agressão. É tão absurdo que esses dias eu estava ouvindo a Rádio (sou meio antigo, ouço rádio) e dizia que a cada 30 min uma mulher é estuprada no Brasil. Porra! 50 mulheres por dia? Que barbaridade!!! Violência sexual! De onde que vem tudo isso? De onde que vem toda essa loucura? A loucura é parte da índole do ser humano?  Claro que não! Agora, alguém que só se ferra, só se dá mal, só tem dificuldade, não tem quase nada de prazer, vira uma pessoa violenta, puta da cara! Quando eu era criança apanhava todo dia da minha mãe. Às vezes até mais de uma vez ao dia. Hoje, como adulto, eu sei que apanhava tanto porque minha mãe tinha uma frustração sexual gigante. Em algum lugar ela tinha que descarregar isso. Acabava em mim e no meu irmão. Eu ia para escola e descarregava nos meus colegas e assim o trenzinho vai passando!

Muitos introjetam a violência contra si. Como podemos fazer de conta que não existe? Acho até que vou pesquisar direito essa coisa das mulheres, pois não consigo acreditar que possa ser verdade isso de a cada 5 min. Ou talvez sofram de violência, o que é a mesma coisa!! Procure num site, eu sou ruim nisso. Estou mais querendo levantar potência porque podemos refletir a respeito. Sou um lutador por uma sociedade muito mais humana e bonita! Não quero a belezas só para mim ou para os meus amigos, meus filhos. Todo mundo merece um mundo bonito. É ruim viver desse jeito!

Ainda desejo o bem do próximo, meu coração não ficou tão gelado. Acho que isso aconteceu porque transei muito e amei muito. Isso se manteve no meu coração. Quero o bem de todas as pessoas, então fico muito chocado quando isso acontece. Fico muito chocado com a neurose das pessoas. Aquele doido que invadiu a boate e matou 50 pessoas em nome da religião porque as pessoas eram gays… que coisa louca!

Webdoor BLOG Auto

Se você observar como ele foi criado, esse jumento (porque essa pessoa perdeu suas características humanas), você vai ver que foi uma familiazinha americana classe média que frequentou escola, teve educação. Aliás, os americanos primam pela estupidez, pelas atrocidades que cometem mundo afora. Lá, eles sempre foram muito sacanas com os negros, com os pobres, com o mundo inteiro que não idolatrava os seus conceitos! Aliás, conceitos, não eram suas fábricas que exploravam o mundo inteiro? Seja por bem ou por mal! Seja invadindo países, seja criando ditaduras, seja sabotando. Esses bonzinhos religiosos americanos tem uma ficha de sacanagem que vou te contar! Eles são expoente máximo da nossa cultura, do nosso sistema, do culto ao dinheiro, ao carro, ao machismo, a comida podre, ao envenenamento coletivo! Eles sempre destroem tudo o que é belo! Não importa em que dimensão, seja espiritual, cultural, física… Eles que nos “orientam”… Essa é a cultura predominante. Então a violência está disseminada. Eles têm um sistema de controle tão rígido que quando um sai da casinha vai matando todo mundo… que gente sem coração!

Um dia eles tiveram coração! Está certo o Chaplin: “não sois máquinas, homens é que sois”. Eu fico chocado como tem gente que fica com tanta raiva de nós apenas porque defendemos a liberdade sexual, o amor. Às vezes mandam cada email, escuto cada coisa que você nem imagina! Nós só estamos defendendo a natureza humana. Não foi eu quem criei a tesão. Dizem os cristãos que foi Deus. Dizem os muçulmanos que foi Maomé. Não, desculpe… um lapso, foi o DEMÔNIO que criou a tesão! Eita demônio BAUM!! O cara lá faz umas coisas boas, né?

Como seria nossa vida sem isso, eihn? Já pensou? Nós vamos nos reproduzir por email? Uma pessoa que vive esse prazer do amor e da sexualidade não tem a menor força para violência ou para a agressão. Tem sua força interna para defender esse espaço na sua vida, não para agredir o outro semelhante, de cor diferente, de roupas diferentes, de pensamentos diferentes. Somos apenas semelhantes vindo da mesma fonte, da mesma energia! Todos nós temos que nos tornar mais humanos… e a maior representação da humanidade é a inocência de uma criança. Com seu sorriso. Isso que nos representa. Não é a cara franzida, carrancuda. Não as expressões de medo, de desespero. Temos que resgatar urgente o prazer para nossa vida ou nossa existência será só de violência, de agressão, de mutilação. Temos que retomar essa qualidade amorosa, voltar a ser mais meditativos, mais contemplativos, mais risonhos. Se não, essas estatísticas vão continuar subindo e vai virar guerra generalizada logo, logo. E vai começar a atingir também as classes mais altas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s